Cirurgia Plástica no Inverno

Cirurgia Plástica no Inverno

Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), o número de procedimentos aumentam em até 50% durante a estação.

Estamos na estação mais fria do ano. As pessoas que estão sonhando ou se planejando para passar por um procedimento estético lançam aquele famoso questionamento: O inverno é a melhor estação do ano para realizar uma cirurgia plástica?

Pelo que mostram as estatísticas, a maior parte dos candidatos preferem esse período do ano, segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, o número de procedimentos aumentam em até 50% durante a estação.

É certo que os cuidados pré e pós-operatórios devem sempre ser seguidos à risca, independentemente do clima ou temperatura, mas podemos enumerar algumas vantagens do inverno, que podem ir desde um maior conforto durante a recuperação, até uma menor probabilidade de inchaço ou manchas decorrentes do calor e dos raios de sol mais fortes.

Mas com toda certeza, estar pronta e preparada para aproveitar o verão e usar roupas mais curtas e leves, já torna o inverno uma boa opção para fazer a plástica!

CONHEÇA ALGUMAS VANTAGENS:

Os cuidados pós-operatórios são fundamentais para o bom e almejado resultado final da cirurgia plástica, esses cuidados acabam sendo bastante facilitados durante o clima frio e de menos contato com o sol, por diversos motivos, como:

Conforto e Privacidade

Diversos procedimentos estéticos como abdominoplastia, cirurgias de mama ou de glúteos, lipoaspiração, entre outros, exigem, durante o período pós-operatório, o uso de meias de compressão (ou anti-trombo), cintas ou sutiãs modeladores e outros acessórios que auxiliam nos cuidados, na cicatrização e contenção dos tecidos. Nesse sentido, o clima mais ameno evita o desconforto gerado com o calor e suor.

Além disso, as roupas longas e normalmente um pouco mais largas que se usam no frio cobrem praticamente todo o corpo, ajudando a disfarçar os curativos e roupas pós-cirúrgicas, preservando a privacidade e intimidade do paciente.

Menor Exposição ao Sol e Melhor Cicatrização

Depois de realizada a cirurgia plástica, durante o período pós-cirúrgico, principalmente na fase inicial de recuperação, fica terminantemente proibida à exposição do local onde foi realizado o procedimento aos raios solares. A finalidade é promover a melhor cicatrização possível da incisão e evitar manchas que podem ser causadas pelo sol.

No período de inverno, entre os meses de junho à setembro, os raios solares têm menor incidência e, com o frio, como a maior parte do corpo está normalmente coberto, fica protegido pelas roupas.

Ressalta-se que isso não acaba com a necessidade de tomar todo cuidado com a cicatriz, apenas facilita, as recomendações médicas, as quais devem ser sempre seguidas à risca.

Inchaços e Hematomas

O calor é um facilitador para inchaços e hematomas, principalmente para pacientes que retém líquido. No inverno a situação se inverte, já que o inchaço decorrente da cirurgia tende a ser menor e menos desconfortável, pois durante o frio a dilatação de vasos e a retenção de líquido deve ser menor.

Tempo para se Recuperar até o Verão

Além de todas as vantagens já mencionadas, realizar a cirurgia plástica no inverno, abre a possibilidade de recuperação do procedimento estético até o verão, momento para estar de bem com o próprio corpo, usar roupas leves e curtas, curtir a praia ou piscina com toda tranquilidade e confiança.

Foco na Recuperação

Listamos algumas vantagens ou facilidades de se optar pela Cirurgia Plástica no Inverno, mas independentemente da época do ano, o mais importante é se planejar e ter tempo para uma recuperação tranquila e completa, ou seja, mais importante que a época do ano, é o tempo de dedicação para uma recuperação efetiva e o consequente resultado almejado.

Para não comprometer os resultados do procedimento, a orientações do cirurgião plástico devem ser seguidas a risca.

Não Esqueça:

  • Verifique se o cirurgião plástico escolhido possui registro no Conselho Federal de Medicina (CFM);
  • Certifique-se de que o mesmo é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), para garantir que o profissional teve acesso à informação e se especializou na área, sendo habilitado para realizar todo o tipo de cirurgia plástica;
  • Toda cirurgia deve sempre ser realizada em Centro Cirúrgico com todo suporte e monitoramento do paciente, preservando sua segurança, e também a dos profissionais técnicos habilitados;
  • Siga todas as recomendações passadas pelo especialista escolhido;
  • Compareça a todas as consultas programadas, siga o planejamento;
  • Acima de tudo, o planejamento cirúrgico deve seguir os diagnósticos prévios.

Procure sempre por uma cirurgia segura. Verifique se o seu profissional escolhido é um Cirurgião capacitado e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP)

Quer tirar outras dúvidas ou conhecer nosso trabalho? Agende sua consulta!

Obrigado pela visita. Grande abraço!

Dr. Leonardo Pereira Fernandes⠀
Cirurgia Plástica – CRM/PR:30904 RQE:2732